sexta-feira, 19 de outubro de 2012

PRF prende envolvidos no Assassinato do PRF Breno


A Polícia Rodoviária Federal prendeu, na manhã de hoje, dois integrantes da quadrilha envolvida no assassinato do PRF BRENO DA ROCHA WANDERLEY NETO, morto quando tentava evitar um assalto a ônibus, no Maranhão, em dezembro de 2010. Os integrantes da quadrilha foram presos em Casa Nova, no norte da Bahia, após levantamentos de inteligência, intensificados a partir de abril de 2011.
A prisão dos envolvidos é o início dos resultados de uma operação realizada pela Coordenação de Inteligência da PRF, com apoio de Núcleos de Inteligência de regionais do Nordeste e Norte do país. Os mandados – de prisão, busca e apreensão – foram cumpridos durante a operação denominada “Longa Manus” (o braço longo da Lei), que contou com policiais rodoviários federais de Pernambuco, Alagoas e da Coordenação Geral de Operações.
Durante a operação foram presos um homem e uma mulher. Ele, em um ônibus de transporte de trabalhadores rurais, ela no galpão de uma fazenda. Ambos na área rural de Casa Nova. Os detidos serão transferidos no avião da PRF para São Luís, no Maranhão, onde serão apresentados à Justiça. A partir desta prisão, a PRF espera conseguir pistas para encontrar o restante da quadrilha.
Entenda o caso
O PRF BRENO era passageiro de um ônibus que fazia a linha Belém/PA-Maceió/AL, em 14 de dezembro de 2010.  No município de Junco, no Maranhão, o ônibus foi abordado por assaltantes. Na tentativa de evitar o assalto, Breno trocou tiros com os integrantes da quadrilha. Um deles foi morto, porém, outro assaltante que também era passageiro do ônibus estava nas ultimas cadeiras e atirou em BRENO pelas costas. O PRF não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
Fonte: Assessoria Nacional de Comunicação Social/PRF

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes