PRF prende quadrilha de roubo de carga que atuava na rodovia Fernão Dias - União do Policial Rodoviário do Brasil

Notícias

União do Policial Rodoviário do Brasil

Casa do Inspetor associação de PRF, notícias PRF, Policia Rodoviária Federal , PRF em Ação , UPRB

União do Policial Rodoviário do Brasil - Casa do Inspetor

test banner

Post Top Ad

Casa do Inspetor - PRF

Post Top Ad

Casa do Inspetor

quarta-feira, 14 de março de 2012

PRF prende quadrilha de roubo de carga que atuava na rodovia Fernão Dias

A Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com a Polícia Federal, prendeu uma quadrilha de roubo de carga na tarde do dia 13/3.
Diante do alto índice de roubo de cargas registrados na rodovia Fernão Dias (BR-381), policiais rodoviários federais da Equipe Tática da 3ª Delegacia da PRF em conjunto com a Polícia Federal planejaram uma estratégia para desarticular uma quadrilha que atuava na região.


Os policiais foram informados de um roubo de um caminhão Mercedes Benz 1618, placas MTD 0526/ES carregado de granito que estava sendo levado para a Rodovia Presidente Dutra para a entrega da carga a receptadores.

Os policiais foram ao local para tentar interceptá-lo quando foram informados que a entrega da mercadoria ocorreria na altura do km 133 da rodovia Presidente Dutra em um posto de abastecimento.

Logo os policiais deslocaram-se para o local e identificaram o caminhão, que era roubado. Dentro dele foi encontrado um equipamento vulgarmente conhecido por “capeta”, usado por ladrões para bloquear os sinais emitidos por aparelhos rastreadores de veículos, instalados por empresas de segurança e seguradoras.

O motorista do caminhão roubado era mantido refém em um cativeiro de localização desconhecida, a fim de que não denunciasse a ação à polícia.

Toda a ação policial foi possível graças a um trabalho de monitoramento no qual foi identificado o modus operandi da quadrilha e que culminou com a prisão de 9 pessoas integrantes da quadrilha.

Eles foram presos em flagrante e responderão pelos crimes de roubo, receptação, cárcere privado e formação de quadrilha. Todos foram encaminhados para sede da Polícia Federal/SP.

Post Top Ad

Casa do Inspetor - UPRB