Balanço Operacional – Operação Carnaval 2012 - rodovias de Sergipe - União do Policial Rodoviário do Brasil

Notícias

União do Policial Rodoviário do Brasil

Casa do Inspetor associação de PRF, notícias PRF, Policia Rodoviária Federal , PRF em Ação , UPRB

União do Policial Rodoviário do Brasil - Casa do Inspetor

test banner

Post Top Ad

Casa do Inspetor - PRF

Post Top Ad

Casa do Inspetor

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Balanço Operacional – Operação Carnaval 2012 - rodovias de Sergipe


Departamento de Polícia Rodoviária Federal
20ª Superintendência Regional – Sergipe
Núcleo de Comunicação Social

Balanço Operacional – Operação Carnaval 2012

Aracaju, 23 de fevereiro de 2012. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) no estado de Sergipe apresenta o balanço da Operação Carnaval 2012.
Foram registrados nas rodovias federais do estado, entre os dias 17 a 23 de fevereiro de 2012 (período da operação), 28 acidentes, com 12 feridos e 04 mortes.

Tabela comparativa:

Fiscalização Operação Carnaval
2010
(06 dias)
2011
(06 dias)
2012
(06 dias)
Acidentes
25
31
28
Feridos
22
24
12
Mortes
6
1
4

Imprudência – Apesar do trabalho ostensivo de fiscalização realizado pela PRF nas rodovias federais de Sergipe durante a Operação Carnaval 2012, muitos motoristas ainda insistiram em cometer atitudes imprudentes. Tais atitudes podem ser comprovadas principalmente no número de notificações registradas. Durante o período, a PRF autuou 507 motoristas dos quais 148 foram notificados por ultrapassagens indevidas. Vale salientar que os números ainda são altos, mas quando comparados com a estatística do Carnaval passado, houve uma redução de 43,91% no total de notificações. Tratando especificamente de ultrapassagens indevidas, a diminuição foi de 17,77% quando comparado ao mesmo período. “Os números refletem o comportamento do condutor na rodovia. A redução no número de notificações durante a Operação Carnaval 2012, sinaliza que o motorista adotou uma postura consciente e defensiva. Prova disso é a sensível redução no número de feridos envolvidos nos acidentes”, ressalta o Inspetor Nelson Felipe, Superintendente da PRF em Sergipe.
Mortes – Dois acidentes foram responsáveis pelas quatro mortes registradas pela PRF durante a Operação Carnaval. Uma ocorreu na tarde de sexta-feira (17), no Km 08 da BR 101, próximo ao trevo de acesso do município de Cedro de São João (SE). Um motociclista tentava cruzar a rodovia quando foi atingido transversalmente por um veículo de passeio que seguia pela pista. Com o impacto, o jovem de 29 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.
As outras três mortes ocorreram na manhã de domingo (19) no Km 135 da BR 101, em Estância (SE). Um veículo de passeio, com placas de Sergipe, seguia pela rodovia quando o condutor perdeu o controle da direção, invadiu a faixa contrária e foi atingido lateralmente por outro veículo de passeio, com placas de São Paulo, que seguia no sentido contrário. Com o impacto, três ocupantes do automóvel que invadiu a contramão, não resistiram aos ferimentos e morreram no local do acidente.

Combate à criminalidade – Além da atribuição de fiscalização de trânsito nas rodovias federais, a Polícia Rodoviária Federal também faz um trabalho ostensivo de combate à criminalidade. Durante a operação Carnaval 2012, a polícia prendeu quatro pessoas. Uma delas foi detida na tarde de sábado (18), no Km 63 da BR 101, em Rosário do Catete (SE). Os agentes federais faziam o trabalho de ronda quando solicitaram que um veículo VW/Santana parasse para fiscalização. Durante a abordagem, os agentes federais solicitaram que o condutor, de 34 anos, apresentasse seus documentos de identificação pessoal e do veículo, e descobriram que ele não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ele foi detido e encaminhado para à Delegacia de Polícia Civil do município.
No dia seguinte (19), a PRF registrou outra prisão referente à condução irregular no Km 87 da BR 101, no município de Nossa Senhora do Socorro (SE). Os agentes federais deram ordem de parada a um veículo Fiat/Siena que trafegava pelo local e solicitaram que o condutor apresentasse sua CNH. Durante a consulta ao banco de dados utilizado pela PRF, os policiais descobriram que a habilitação apresentada pelo condutor, de 52 anos, era um documento falso. Ele foi detido e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil em Aracaju (SE).

Lei Seca – Mesmo sabendo da proibição no consumo de bebidas alcoólicas ao dirigir, condutores arriscaram as suas vidas e a de usuários das rodovias federais em Sergipe. Durante o período da Carnaval 2012, 77 motoristas realizaram teste de alcoolemia nas rodovias federais do Estado. Desse total, 10 motoristas foram autuados dos quais sete foram detidos por exceder o limite de 0,3 mg/l (miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões). De acordo com a lei 11.705 (lei seca), quem for flagrado dirigindo embriagado comete uma infração grave (sete pontos), tem a CNH recolhida e suspensa por até doze meses, o veículo fica retido até que um condutor habilitado e sóbrio se apresente para a retirada do automóvel, paga multa no valor de R$ 957,70 e ainda poderá responder por crime de trânsito.

Números que merecem destaque:

Veículos fiscalizados
941
Veículos apreendidos
13
Auxílios a usuários
23
Pessoas detidas
11
Total de multas
507
Multas por ultrapassagens indevidas
148
Carteira de Motorista – CNH apreendida
4

Post Top Ad

Casa do Inspetor - UPRB