PRF APREENDE 912 COMPRIMIDOS DE “ARREBITE” NA BR 242 - União do Policial Rodoviário do Brasil

Notícias

União do Policial Rodoviário do Brasil

Casa do Inspetor associação de PRF, notícias PRF, Policia Rodoviária Federal , PRF em Ação , UPRB

União do Policial Rodoviário do Brasil - Casa do Inspetor

test banner

Post Top Ad

Casa do Inspetor - PRF

Post Top Ad

Casa do Inspetor

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

PRF APREENDE 912 COMPRIMIDOS DE “ARREBITE” NA BR 242

PRFs da Delegacia de Seabra apreenderam na tarde de ontem (23/01) 916 comprimidos de anfetaminas.
Por volta das 14:15 horas, durante ronda no Km 369 da BR 242, os policiais avistaram um pedestre  transitando pelo acostamento que, ao avistar a aproximação da viatura, abandonou um pacote e evadiu para dentro da vegetação que margeia a rodovia. Ao pegar o pacote, os policiais identificaram 916 comprimidos de Desobesi-M, medicamento conhecido como Arrebites, comumente utilizados por caminhoneiros e que age como inibidor de sono.
A ocorrência foi encaminhada à Delegacia de Polícia Judiciária local.


Agentes da Delegacia de Vitória da Conquista apreenderam ontem a tarde mais 1,5 Kg de crack em um ônibus interestadual.
Esta é a segunda apreensão de drogas em ônibus neste ano em Vitória da Conquista. A primeira ocorreu na última sexta-feira (20/01), aonde foram apreendidos 7 Kg de crack em um  ônibus que seguia da capital paulista com destino a Garanhuns/PE.
Na apreensão ocorrida ontem, ao realizar abordagem no ônibus da empresa Viação Gontijo, que fazia a linha São Paulo/SP X Mossoró/RN, no Km 830 da BR B116, os policiais localizaram a droga guardada em uma sacola  dentro do banheiro do ônibus.
Como o proprietário da droga não foi identificado, todos foram encaminhados à Polícia Judiciária local.





MAIS DE 15 TONELADAS DE CARGA SÃO APREENDIDAS SEM NOTA FISCAL


No início da manhã de ontem, agentes do Posto PRF de Itaberaba apreenderam 15.750 kg de carga sem documentação fiscal.
As apreensões ocorreram no Km 199 da BR 242, durante fiscalização em dois caminhões. O primeiro transportava 14.000 Kg de pedra tipo Barita, produto utilizado pela indústria do petróleo, médica, entre outros. Ao ser questionado sobre a documentação da carga, o mesmo declarou que não as possuía. Instantes depois, outro caminhão foi abordado. Desta vez, carregado com 1.750 Kg de milho em grãos. O condutor deste também não possuía a documentação fiscal da carga.
Os dois caminhoneiros, juntamente com as cargas, foram encaminhados à Secretaria da Fazenda local pelo crime de sonegação fiscal.

Post Top Ad

Casa do Inspetor - UPRB