Cresce 8,9% o nº de feridos em estradas federais de SP - União do Policial Rodoviário do Brasil

Notícias

União do Policial Rodoviário do Brasil

Casa do Inspetor associação de PRF, notícias PRF, Policia Rodoviária Federal , PRF em Ação , UPRB

União do Policial Rodoviário do Brasil - Casa do Inspetor

test banner

Post Top Ad

Casa do Inspetor - PRF

Post Top Ad

Casa do Inspetor

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Cresce 8,9% o nº de feridos em estradas federais de SP

Foto arquivo
O feriado de fim de ano terminou com um aumento de 8,9% no número de feridos em acidentes nas rodovias federais que cortam São Paulo.
O aumento na quantidade de feridos mostra que as ocorrências foram mais graves no último feriado. Isso porque o número de acidentes caiu 11,2% no último feriado. Foram 158 casos neste ano, ante 178 do período anterior.
O número de mortes ficou estável. Foram quatro vítimas fatais em cada uma das operações.
Balanço da Polícia Rodoviária Federal divulgado na tarde desta terça-feira aponta que 73 pessoas ficaram feridas entre os dias 30 de dezembro do ano passado e o fim da noite do dia 2 de janeiro.
No período equivalente de 2010 --entre 31 de dezembro e 3 de janeiro-- foram 67 feridos. Nos dois anos, o dia 1º caiu em um fim de semana, portanto não há distorções ao se comparar os dois períodos.
A PRF também prendeu seis motoristas por dirigir sob efeito de álcool, dois a menos que o número registrado no feriado do ano passado.
Os dados de todas as rodovias federais do país serão divulgados na tarde desta terça-feira pela PRF.
Operação de Fim de Ano
Já durante toda a temporada de feriados de Natal e Ano-Novo, o Estado de São Paulo teve alta de 36% na quantidade de mortos em acidentes nas rodovias federais.
Balanço da Polícia Rodoviária Federal, divulgado nesta terça-feira, apontou um total de 30 mortos em acidentes no período entre 16 de dezembro e 2 de janeiro deste ano. No período equivalente de 2010/2011, foram 22 vítimas fatais em acidentes nas rodovias federais.
Os números de acidentes e feridos, no entanto, apresentaram queda em relação ao período anterior. O primeiro passou de 794 para 773. O de feridos caiu de 359 para 312.
Quando é considerado apenas o feriado de Réveillon, o número de mortes nas rodovias federais paulistas ficou estável --foram quatro casos durante as operações da PRF dos dois anos.
O número de acidentes também caiu, 11,2% --passou de 178 para 158 casos.
No entanto, a quantidade de feridos nos acidentes terminou com um aumento de 8,9%. Foram 73 pessoas feridas no feriado recente, ante 67 do mesmo período anterior.
Em relação ao número de mortos em toda a operação (desde 16 de dezembro até 2 de janeiro), São Paulo foi um dos sete estados que apresentaram alta no número de mortos. Os demais foram Mato Grosso do Sul, Maranhão, Sergipe, Distrito Federal, Tocantins e Amazonas.
Esses estados vão na contramão do índice geral de todo o país e da maioria dos estados. Os dados da PRF mostram que houve redução de 18% no número de mortos durante a operação de fim de ano. Também houve queda na quantidade de acidentes e de feridos.
Estaduais
Nas rodovias estaduais paullistas foram registradas 24 mortes durante a Operação Ano Novo da Polícia Rodoviária Estadual. O número é inferior ao registrado no ano passado, quando ocorreram 40 mortes no mesmo período.
O balanço divulgado ontem apontava ainda que o total de acidentes foi de 934, o que deixou 548 feridos. No ano passado, os números foram de 1.109 e 673, respectivamente. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, nos dois anos, a Operação Ano Novo ocorreu em quatro dias.

Fonte: Folha de S. Paulo

Post Top Ad

Casa do Inspetor - UPRB