Campanha “Pela Paz no Trânsito em Defesa da Vida” realiza encenação teatral em Picos - União do Policial Rodoviário do Brasil

União do Policial Rodoviário do Brasil

Casa do Inspetor associação de PRF, notícias PRF, Policia Rodoviária Federal , PRF em Ação , UPRB

União do Policial Rodoviário do Brasil - Casa do Inspetor

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Campanha “Pela Paz no Trânsito em Defesa da Vida” realiza encenação teatral em Picos

Share This
No Piauí morrem 14,7 motociclistas por cada grupo de 100 mil habitantes
Com o objetivo de chocar a população sobre a violência no trânsito, aconteceu na noite da última sexta-feira (18) na praça de alimentação de Picos, uma encenação teatral sobre um acidente de trânsito provocado pelo uso excessivo de bebida alcoólica.
A encenação foi realizada pelo o grupo teatral da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Picos e contou com a participação de equipes do SAMU e do Corpo de Bombeiros. “Queremos através dessa encenação, mostrar para a sociedade que o álcool e direção não combinam, vários acidentes em nossa cidade são provocados devido a não conscientização da população, com o uso de bebida alcoólica, ” disse Rosa Dantas, Coordenadora de Enfermagem do SAMU de Picos.
Após o teatro houve ainda no local, a entrega de panfletos sobre Campanha “Pela Paz no Trânsito em Defesa da Vida”. O Ministério Público realizou a campanha em parceria com outros órgãos, dentre eles: a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Polícia Militar (PM), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a Secretaria Municipal de Comunicação (SECOM), o Departamento Municipal de Transito (DMT), o Sest/Senat, o Conselho Tutelar, a Secretaria Municipal de Educação (SME), o Creas, a Maçonaria e o SAMU.
A violência no trânsito é um dos maiores desafios que a sociedade enfrenta, atualmente. No mundo, são mais de um milhão e 300 mil mortes por ano e milhões de pessoas feridas e incapacitadas permanentemente, na sua maioria, entre 15 e 44 anos de idade, representando uma parcela produtiva significativa da sociedade. “São números alarmantes que denunciam o caos que se instalou no trânsito e nos convoca a tomar uma atitude urgente. Em Picos vamos conseguir mudar a realidade do trânsito,” disse Alan Cardete, Superintendente do DMT.
Ser flagrado dirigindo sob a influência de bebida álcool ou de qualquer substância entorpecente ocasiona:
* Pena de prisão para o infrator: detenção de seis meses a três anos;
* Suspensão da Carteira Nacional de Habilitação por 12 meses;
* Multa de R$ 957,70;
* Retenção do veículo até a apresentação de condutor habilitado;
* Recolhimento do documento de habilitação.
No Piauí morrem 14,7 motociclistas por cada grupo de 100 mil habitantes. É a segunda maior taxa de todo o Brasil. “Precisamos mudar os números sobre a violência no trânsito, infelizmente na nossa cidade ainda é grande o número de motociclistas que sofrem acidente, principalmente pelo o não uso do capacete,” disse a Tenente do Corpo de Bombeiros, Cléia Diniz.
Fonte: 180graus.com

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages