terça-feira, 24 de julho de 2012

Operação MPT x PRF sobre nova Lei do caminhoneiro ocorrerá amanha

Operação orienta motoristas profissionais sobre jornada de trabalho

Ministério Público do Trabalho e Polícia Rodoviária Federal vão explicar inovações da Lei do Motorista e promover ações de saúde aos motoristas.

Campo Grande (MS), 24/07/2012 – Procuradores do Ministério Público do Trabalho (MPT) e
inspetores da Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizam nesta quarta-feira, 25, em todo o país, operação conjunta para orientar motoristas profissionais sobre a nova jornada de trabalho da categoria. A operação, marcada para o Dia do Motorista, faz parte do projeto Jornada Legal, que o MPT desenvolve em parceria com a PRF para sensibilizar os profissionais do setor.

Em Mato Grosso do Sul, o projeto “Jornada Legal - Comando de saúde”, com orientações de saúde e segurança na rodovia e sobre a nova lei do motorista, será promovido das 7 às 11 horas e das 19 às 24 horas, no Posto PRF 21, na BR 163, km 453, em Campo Grande, na saída para São Paulo. No local, serão realizados exames de saúde e ginástica laboral.

A Lei 12.619, de 30 de abril de 2012, alterou artigos da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) e do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), regulamentando o tempo de trabalho e de descanso, e tornou obrigatório o controle de jornada dos motoristas que trabalham no transporte rodoviário de cargas e de passageiros.

A lei estabelece jornada de trabalho de 8 horas diárias e intervalo para descanso de 30 minutos a cada quatro horas ao volante. A partir do dia 30 de julho, o descumprimento desses intervalos será considerado infração grave, passível de multa e de retenção do veículo, até que o intervalo de descanso seja cumprido.

Estatísticas - Dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF) revelam que o envolvimento de pelo
menos um veículo de carga a cada quatro acidentes nas estradas ocorre, em geral, devido ao cansaço e à exaustão dos motoristas profissionais, após extenuantes jornadas de trabalho. Dos 192,1 mil acidentes ocorridos em rodovias federais em 2011, 66,6 mil (34,7%) envolviam caminhões.

Para o procurador do trabalho Cícero Rufino Pereira, que coordena o Fórum de Saúde, Segurança e Higiene no Trabalho (FSSHT-MS) e essa ação do projeto Jornada Legal no Estado pelo MPT, a inovação mais importante da nova lei é o resgate da dignidade do trabalhador das estradas, possibilitando a ele o convívio social e familiar. “O propósito da lei é impedir as jornadas exaustivas de mais de 14 horas diárias de direção, além de favorecer toda a sociedade, possível vítima dos acidentes de trânsito causados pelos caminhões e ônibus intermunicipais”, completa o procurador.

Serviço - Operação Jornada Legal
Data: 25 de julho de 2012 (quarta-feira)
Hora: das 7 às 11 horas e das 19 às 24 horas
Local: Posto PRF 21, BR 163, km 453, em Campo Grande, na saída para São Paulo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes